Viagens, culturas, aventuras, montanhas, escaladas, trilhas, fotografia e filmes da natureza.

“Para viajar basta existir. ... Fernando Pessoa

19 de dezembro de 2011

A Origem do Homem Americano

Museu do Homem Americano

Atravessei o Piauí e conheci dois Parques Nacionais de grande respeito histórico, com muitos mistérios a serem desvendados até os dias de hoje. Abandonei a leseira praiana para me envolver na história do Homo sapiens no sertão nordestino que pode mudar a história das Américas.

Pedra da Tartaruga

Parque Nacional de Sete Cidades

Pertence aos municípios de Piracuruca e Piripiri, este último pelo qual tive acesso. Peguei carona no ônibus que leva os funcionários para o parque, ele parte diariamente às sete horas da Praça da Bandeira.
Nomeado pelo agrupamento de sete formações rochosas, suas torres abrigam pinturas rupestres que mostram procedimentos de caça e conceitos religiosos entre diversas situações. As pinturas foram datadas em 6000 anos pelo método carbono 14 representam uma maioria de grafismos puros, algumas mãos, pés, figuras humanas e répteis extremamente simples e esquematizados. Uma das mais interessantes é uma estrutura helicoidal que se assemelha ao ADN.


Estrutura helicoidal semelhante ao ADN

O passeio passa pelas cidades de pedra e pelas esculturas formadas pelo vento, sol e chuva através do tempo e receberam nomes como Biblioteca, Pedra do Elefante, Camelo, Cachorro, Cotia não. Apesar do aspecto seco da topografia ruiniforme e da vegetação de cerrado, o parque abriga nascentes sendo possível um bom mergulho na Piscina dos Milagres.

Cabeça do Índio e Três Reis Magos

Pesquisadores passaram por aqui e desenvolveram diversas teorias. Jacques de Mahieu, francês, em 1974 atribuiu as inscrições e pinturas rupestres aos vikings, pela semelhança com os caracteres rúnicos. O suíço Ludwig Schwennhagen acreditava na influência dos fenícios sobre os indígenas, especialmente nos ensinamentos aos chefes tupi sobre o preparo das tintas.
Os trabalhos dos arqueólogos continuam apesar das dificuldades que enfrentam como a conservação dos sítios e apoio financeiro.


Vista do mirante

Parque Nacional da Serra da Capivara

É um tesouro nacional. Em São Raimundo Nonato, sul do Piauí, foram encontradas os vestígios humanos mais antigos das Américas. No sítio arqueológico do Boqueirão da Pedra Furada, na Serra da Capivara foram encontrados fogueiras datadas em 50.000 anos e artefatos de 45.000 anos pelo método carbono 14. Mais abaixo destas camadas a idade dos carvões chegou a 100.000 anos pelo método da luminescência.

Paredes repletas de história

Hoje sabemos que há evidências humanas no sítio arqueológico de Clóvis, Novo México, Estados Unidos, datado de 11.200 anos; em Monte Verde, sul do Chile com 12.500 anos e Luzia, o fóssil humano encontrado em Lagoa Santa, Minas Gerais, com cerca de 11.400 a 16.400 anos que reacendeu os questionamentos da origem do homem americano ter vindo da Sibéria pelo Estreito de Bering. Luzia tem traços de africanos e australianos e sugere diferentes origens ao longo dos 100.000 anos de ocupação humana das terras americanas.


Origens diversas

O Parque Nacional Serra da Capivara abriga importantes sítios arqueológicos repletos de pinturas rupestres. Há figuras humanas, animais, plantas e objetos, grafismos reconhecíveis e pinturas de grafismo puro. Cenas do cotidiano estão representadas com a impressão de movimento em cenas de sexo, partos, caçadas e diversos tipos de rituais.

Patrimônio da Humanidade

A predominância da tradição Nordeste de pintura rupestre na região se caracteriza pelo grafismos reconhecíveis em ação. As figuras humanas e animais aparecem em proporções iguais e são mais numerosas que as representações de objetos e figuras fitomorfas. Os grafismos puros aparecem em nítida quantidade minoritária.
Fósseis de mastodontes, tigres-dente-de-sabre e preguiças-gigantes e diversos artefatos também foram encontrados na região.


Fósseis de gigantes pré-históricos

O Museu do Homem Americano fica perto da cidade e complementa o conhecimento adquirido. Resultado de quase 40 anos de pesquisas expõe crânios, esqueletos e objetos encontrados no Parque e está sempre sendo atualizada com novas descobertas.

Sequência acrobática

O fato é que a história permanece aberta, o trabalho de escavações continua surpreendendo arqueólogos. A origem do Homem Americano permanece em discussão, basta saber se teremos tempo e recursos suficientes para poder reescrever a história como ela realmente aconteceu.

Carne seca, tradição pré-histórica

Para saber mais:
http://www.historiadomundo.com.br/artigos/povoacao-da-america.htm
http://www.comciencia.br/reportagens/arqueologia
http://www.fumdham.org.br/
How old is Luzia? Luminescence dating and stratigraphic integrity at Lapa Vermelha, Lagoa Santa, Brazil - James Feathers, Renato Kipnis, Luis Piló, Manuel Arroyo-Kalin, David Coblentz

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário